Roteiro Delícias da Colônia: Imigrante, RS

O local:

Entre colinas verdejantes, na encosta da Serra Gaúcha, num majestoso vale, repousa o que mais se assemelha ao paraíso! E não é exagero tratar esta pequena cidade, localizada no Vale do Taquari, como paraíso. Afinal, além de tranquila, é dotada de belezas naturais, além do charme característico das cidades brasileiras de matriz germânica.
Imigrante faz parte do roteiro turístico chamado de Delícias da Colônia, roteiro que também inclui os municípios vizinhos de Colinas e Estrela. Iniciamos o roteiro descendo a encosta da Serra Gaúcha, para mostrar um pouco mais desta pequena notável cidade.
Embora calma, a cidade se mostra repleta de opções de lazer, desde as simples caminhadas na praça até as belas cascatas do interior. Além disso, bares e restaurantes garantem sua vida noturna.
No Centro da cidade, algumas casas em estilo enxaimel, belos jardins e a simpática Igreja da Paz são o cartão de visitas.
Igreja da Paz, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Onde fica:

O acesso principal a Imigrante se dá pela RST-453. Para quem trafega no sentido Serra ao Vale do Taquari, nas proximidades do Km 66 da rodovia, há uma entrada pavimentada à direita, uma estrada de 4,7 quilômetros, descendo morros, até a cidade. Use o freio motor, pois a descida é íngreme e sinuosa, mas repleta de belas paisagens! Ver detalhes

O que fazer:

Já havíamos visitado Imigrante anteriormente, mostrando o curioso Cactário Horst, uma das diversas atrações da cidade. Desta vez, o nosso destino foi o interior do município.
Imigrante é uma cidade cercada de montanhas, como esta com o paredão de rocha exposto em Daltro Filho. Uma paisagem encantadora!
Daltro Filho, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Também na localidade de Daltro Filho, encontra-se o Convento São Boaventura, que chama a atenção com sua arquitetura. Ele é todo construído em arenito ou pedra grês. O Convento São Boaventura é o ponto de partida do Roteiro Delícias da Colônia.
Convento São Boaventura, Imigrante, RS

Por se tratar de uma atração turística da cidade, atrai, não só fiéis católicos, mas também turistas em geral. 
Convento São Boaventura, Imigrante, Vale do Taquari, RS

O convento, construído na primeira metade do século XX, empregou matéria prima oriunda da própria região, rica em rochas sedimentares. 
Convento São Boaventura, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Muitos turistas procuram este local pela beleza e também pela tranquilidade. No entorno, bancos são um convite para um descanso à sombra das árvores, acompanhado de um bom chimarrão.
Convento São Boaventura, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Atrás do convento, tem-se uma bela vista das montanhas da região.
Convento São Boaventura, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Há também uma capela, aberta à visitação.
Convento São Boaventura, Imigrante, Vale do Taquari, RS

No interior da capela, o mobiliário em madeira entalhada e a disposição dos bancos até dá a impressão de estarmos em algum cenário de filme de época, que retrata o século XV ou XVI.   
Convento São Boaventura, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Atrás do convento, há um belo jardim, um pequeno cemitério e uma capela.
Convento São Boaventura, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Uma edificação realmente imponente e de beleza ímpar, cartão postal da cidade.
Convento São Boaventura, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Mais informações sobre o Convento Franciscano São Boaventura podem ser obtidas pelo telefone (51)3754-0376 ou através da página do convento no Facebook: www.facebook.com/ConventoSaoBoaventura. O Frei Carlos Laurêncio Shaefer é o responsável pelo local.
Após visitarmos o Convento São Boaventura, percorremos mais alguns metros por Daltro Filho, na direção oposta à cidade, até este local, onde tem uma pequena cascata.
Cascata em Daltro Filho, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Um local realmente inspirador e ótimo para recarregar as baterias. Sentar nestes bancos e permanecer à sombra, escutando somente a água da cascata é uma terapia.
Cascata em Daltro Filho, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Após o passeio por Daltro Filho, retornamos à cidade e seguimos pela Avenida Dr. Ito João Snel, a principal da cidade, até a saída para Colinas e Estrela, rumo a outra atração do interior de Imigrante. Vale ressaltar que os caminhos percorridos pelo interior da cidade são todos asfaltados, algo que poucas cidades deste porte possuem. Após quase 2 quilômetros, chegamos a este local: a Cascata das Orquídeas
Cascata das Orquídeas, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Na verdade, esta é uma propriedade particular transformada em atração turística, onde fomos muito bem recepcionados, mesmo não tendo agendado.
Cascata das Orquídeas, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Tudo, ali, é zelado com esmero. Até o fusca aposentado foi transformado em uma curiosa jardineira. 

Cascata das Orquídeas, Imigrante, Vale do Taquari, RS

O local é realmente inspirador e encantador. O paisagismo cria um ambiente próprio para a realização de ensaios fotográficos. As flores estão por toda parte!
Cascata das Orquídeas, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Alguns detalhes tornam o ambiente ainda mais encantador.
Cascata das Orquídeas, Imigrante, Vale do Taquari, RS

A rusticidade é muito bem casada com as folhagens e flores.
Cascata das Orquídeas, Imigrante, Vale do Taquari, RS

No interior da residência, foi criado um relicário.
Cascata das Orquídeas, Imigrante, Vale do Taquari, RS

São diversos utensílios que faziam parte do dia a dia das antigas famílias de imigrantes alemães.
Cascata das Orquídeas, Imigrante, Vale do Taquari, RS

A tarde estava quase no fim, quando seguimos por uma estradinha de cerca de 200 metros, que conduz à Cascata das Orquídeas. E as flores seguem sendo um espetáculo a parte.
Cascata das Orquídeas, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Ao final da trilha, há este conjunto surpreendente de mesa e cadeiras, todas confeccionadas com pneus velhos.
Cascata das Orquídeas, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Uma ideia realmente criativa, mais um mimo oferecido aos visitantes, para melhor aproveitar as belezas do local.
Cascata das Orquídeas, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Uma pena que a cascata estava com baixo volume de água. Mas isso é apenas um detalhe. As orquídeas são a companhia mais comum, neste local.
Cascata das Orquídeas, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Encerrar a tarde com uma vista desta, realmente, não tem preço! O passeio à Cascata das Orquídeas pode ser acompanhado de um delicioso café, se agendado para grupos de 20 pessoas ou mais. O agendamento pode ser feito pelo telefone (51)3754-0072 ou no Facebook, na página www.facebook.com/Cascata-das-Orqu%C3%ADdeas-e-flores-1118646128169355/.
Cascata das Orquídeas, Imigrante, Vale do Taquari, RS

Após o passeio, que tal uma bela refeição como esta? Uma tábua de frios, suficiente para alimentar 4 pessoas, custou R$42,00 e apenas justifica o nome do roteiro! No Centro da cidade, há boas opções de restaurantes e cafés.
Imigrante, Vale do Taquari, RS

Este delicioso roteiro continua pelas cidades de Colinas e Estrela e sua sequência será mostrada nas próximas publicações. Por mais próximo que seja o local, sempre haverá um canto a descobrir, locais que, embora não sejam muito divulgados na grande mídia, surpreendem por sua beleza e podem proporcionar ótimos momentos.
Acesse nossa página no Facebook e confira mais fotos deste e de diversos outros lugares incríveis, alguns famosos, outros, nem tanto.
Se você gostou desta matéria, inscreva-se no link na parte superior de sua tela e receba novidades em seu e-mail semanalmente. Nós valorizamos as atrações e roteiros turísticos regionais. A felicidade pode estar no quintal de casa e nas coisas mais simples do dia a dia.

Até a próxima!


Ir ao resumo





Pesquise e reserve sua vaga em hotéis e pousadas no Vale do Taquari em:

Posts mais populares

Casa De Bona: cenário de cinema em Farroupilha, RS

Caminhos de Pedra: uma casa na árvore e um café com mirante na Itália brasileira

Tour por Otávio Rocha: História, espumantes e chocolates